fbpx
Da nossa família para a sua

Deixe seu e-mail e receba conteúdo exclusivo


    Como acabar com as doenças respiratórias de uma vez por todas

    Como acabar com as doenças respiratórias de uma vez por todas

    Já pensou como seria viver com mais saúde e tendo o controle de resfriados, gripes e todos os outros vírus respiratórios? A receita de como acabar com as doenças respiratórias de uma vez por todas envolve apenas um ingrediente: a boa qualidade do ar. 

    Sucessos já alcançados 

    Quando Londres venceu o cólera no século 19, não era necessária uma vacina ou medicamento, mas sim um sistema de esgoto. A água potável da cidade estava se misturando aos dejetos humanos, espalhando bactérias em um surto mortal após o outro. Uma nova rede abrangente de esgotos separou os dois.

    Londres nunca experimentou um grande surto de cólera depois de 1866. Tudo o que era necessário eram 318 milhões de tijolos, 23 milhões de pés cúbicos de concreto e uma grande reengenharia da paisagem urbana.

    O século 19 e o início do século 20 testemunharam uma série de esforços ambiciosos de saúde pública como este. Por exemplo, os Estados Unidos eliminaram a febre amarela e a malária por meio de uma combinação de pesticidas, gerenciamento de paisagem em grande escala e telas nas janelas que impedem a entrada de mosquitos. Uma por uma, as doenças que as pessoas aceitavam como fatos inevitáveis ​​na vida – disenteria, febre tifoide, tifo, para citar mais alguns – tornaram-se inaceitáveis ​​no mundo em desenvolvimento. 

    Mas depois de todos esses sucessos, depois de tudo o que fizemos para evitar a propagação de doenças por meio da água e dos insetos, parece que esquecemos de algo: o ar que respiramos.

    Consequências de ambientes sem renovação do ar 

    Como acabar com as doenças respiratórias de uma vez por todas

    A falta de cuidados e da renovação do ar em ambientes internos acabou tendo consequências devastadoras para o início da pandemia do novo Coronavírus. Mais um ano e meio de evidência mostrou claramente que partículas minúsculas carregadas de vírus realmente permanecerão no ar em áreas mal ventiladas. Isso explica por que o ambiente externo é mais seguro do que dentro de casa e por que uma pessoa infectada pode se espalhar para dezenas de outras pessoas sem falar ou tocar diretamente nelas.

    A questão que fica é: Se conseguimos melhorar a qualidade da água e acabar com os insetos, por que não passamos a cuidar melhor da qualidade do ar que respiramos? Esse cuidado é essencial para acabar com as doenças respiratórias de uma vez por todas.

    Não apenas a Covid-19, mas todas as doenças respiratórias causadas pelo acúmulo de poluição que temos respirado. As mesmas medidas que nos protegem de vírus comuns também podem nos proteger do próximo patógeno desconhecido.

    Embora o mundo tenha falhado em se preparar para a Co­vid-19 em diversos pontos, ainda dá tempo para mudarmos esse cenário e acabar com as doenças respiratórias de uma vez por todas.

    Soluções para acabar com as doenças respiratórias de uma vez por todas 

    Como acabar com as doenças respiratórias de uma vez por todas

    Especialistas ocupacionais dizem que, embora o problema de ventilação insuficiente seja endêmico, melhorar a qualidade do ar é um esforço necessário e muitos dos problemas são facilmente medidos e corrigidos, por meio de monitores de C02 e soluções geralmente baratas, incluindo filtros de ar HEPA portáteis disponíveis em lojas de utensílios domésticos.

    A solução recomendada da Sicflux é a instalação de sistemas de renovação e filtragem do ar adequados em ambientes com alta rotatividade de pessoas, conforme normas técnicas e legislação do país, para utilização de equipamentos de purificação que são insufladores para tomada de ar externo com filtros de alta eficiência, como a linha de produtos FH e GFR, com baixo consumo de energia e super silenciosos. Além disso, a instalação de um sistema que monitore a quantidade de Co² presente no ambiente também é fundamental, pois garante que o ambiente tenha renovação do ar adequada. Para isso, a Sicflux desenvolveu o Censor Co², que atua no monitoramento de Co² e no funcionamento do ventilador, garantindo renovação do ar e economia de energia.

    Além disso, lançamos recentemente mais uma alta tecnologia que pode auxiliar na qualidade do ar em ambientes internos e com muita circulação de pessoas, o Airbox Sicflux.

    Aprovado por laboratórios renomados como o Conforlab (BRA) e UTMB (USA), o Sicflux AirBox é  um produto inovador, com uma tecnologia de ponta, que através da célula Active Pure – Ecoquest produz um gás (H2O2) que esteriliza de forma ativa o ar do ambiente fechado reduzindo as concentrações de microrganismos como vírus, bactérias, fungos, compostos orgânicos voláteis e material particulado, tais como partículas finas de poluição, devolvendo ao ambiente um ar tratado, carregado de peróxido de hidrogênio de forma constante.

    O Airbox é totalmente seguro para pessoas e animais domésticos, não havendo nenhuma restrição no uso do produto. Ainda não conhece essa nova tecnologia? Entre em contato com um de nossos especialistas e vamos conversar!


    FONTE:
    www.theatlantic.com/health/archive/2021/09/coronavirus-pandemic-ventilation-rethinking-air/620000/

    Este conteúdo foi uma colaboração de:

    Comentários

    Receba conteúdo exclusivo gratuitamente